16/12/2014

Feminista eu?!




Olá dreamers. Alguns de vocês com toda certeza já devem ter visto essa imagem do começo do post em algum lugar, em uma rede social ou em outros blogs. Pois bem, vocês já viram mais sabem a verdadeira história e contexto em que essa imagem foi desenvolvida?

Atualmente ela é reconhecida por representar o feminismo, o poder da mulher... Mais nem sempre foi esse seu objetivo. Assim como muitas campanhas que foram criadas nas épocas de guerra este cartaz é mais um exemplos disso. Era uma especie de incentivo para que as mulheres se candidatassem ao mercado de trabalho, pois como os homens estavam lutando pela pátria restavam as mulheres para sustentarem a família e impedir que a economia afundasse de vez.

Após o fim da guerra e a volta dos homens ao mercado de trabalho as mulheres não precisariam mais trabalhar e poderiam ocupar novamente suas posições de "dona de casa", da dedicada mãe de família. Mais gente, quem disse que estas mulheres que ingressaram no mercado queriam deixar o trabalho duro para trás?
Apesar de não necessitarem mais disso, elas queriam continuar com seus trabalhos fora de casa e foi ai que está imagem do começo da postagem passou a ser usada como forma a lutar pelos direitos femininos. Já que muitos homens não aceitavam o fato da mulher também ser responsável por sustentar a casa.
E neste período, aumentou o preconceito entre os sexos... e essa história a gente já conhece. Diferentes salários mesmo ocupando cargos iguais, desrespeito nas ruas, assedio em locais de trabalho.  

Curiosidades bônus

Outros exemplos de campanha feitas na época de guerra e no período pós guerra:



.Keep calm end carry on 

(Em busca de tranquilizar a população
 britânica que havia sofrido ataques aéreos o 
governo desenvolveu este cartaz, que cada vez mais esta se popularizando atualmente) 

.Eu quero você para o exército dos EUA

(afim de recrutar soldados para a primeira guerra, a imagem do Tio Sam foi espalhada pelos EUA.)

.Joana D'arc salvou a frança 

(além de ter sido criada para arrecadar dinheiro, este selo também serviu como motivação para as mulheres colaborarem para a guerra)

Mais vamos a uma reflexão...
 Nós mulheres já conquistamos muitas coisas, mais ainda temos algumas barreiras a serem quebradas. Temos que ter o direito de estar onde queremos, sem sentir medo de ser abusada ou assediada. Não devemos ter de escolher hora adequada para passar em especifico local, nem ter que se preocupar com a roupa com medo de sofrer ofensas ou "elogios" desrespeitosos.
Afinal só porque estamos em um local público nosso corpo não se torna público! Oras.
Se ser feminista é querer ter o direito a liberdade de ir e vir, usar roupas que deseja e ser respeitada. Sim  eu sou feminista.
E olha gente, isso esta realmente me irritando. Alguns homens, (ou melhor moleques, pois para mim quem faz esse tipo de coisa não pode ser considerado homem de verdade) estão passando do limite. Não é legal receber assobios, ser chamada de gostosa nem ser olhada de cima em baixo. É desconfortável e muito assustador. 
faça parte

E você, qual sua opinião? Deixe ai nos comentários. Até o próximo post.